quinta-feira, 23 maio, 2024

Sábado é dia de colher tomates coloridos em Maricá

Sábado
Divulgação

Neste sábado (10), a Fazenda Pública Joaquín Piñero, localizada na Zona Rural de Maricá, no Espraiado, será palco da primeira colheita de tomates gourmet plantados em março deste ano. O evento faz parte do Dia de Campo, promovido pela equipe do Inova Agroecologia. O objetivo é apresentar o projeto aos agricultores do município e incentivar o cultivo de novas variedades de tomates com alto valor agregado. A parceria entre a Codemar (Companhia de Desenvolvimento de Maricá), por meio da Biotec Maricá, e a Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) viabilizou essa iniciativa.

Os tomates cultivados na Fazenda Pública Joaquín Piñero são totalmente orgânicos, ou seja, sem a utilização de agrotóxicos ou práticas prejudiciais ao meio ambiente. Além disso, as variedades escolhidas não são transgênicas, mas fruto de melhorias e seleção criteriosa. Em suma, no total, foram plantados 35 tipos diferentes de tomates, por escolha do professor Antônio Carlos Abboud com base em sua experiência de 20 anos no cultivo. Durante o Dia de Campo, haverá testes  nas variedades que apresentarem melhor desempenho. Vale ressaltar que a UFRRJ possui um banco de 700 tipos de tomates.

 

Projeto Inova

 

O projeto Inova Agroecologia Maricá, por sua vez, visa introduzir novas variedades de tomates, técnicas de produção e oferecer cursos aos produtores rurais interessados. A escolha das variedades aconteceu principalmente pelas cores e sabores diferenciados, visando agregar valor aos produtos. Dentre os tomates cultivados, destacam-se os brancos e, inclusive, os mais recentes de coloração azul, que têm despertado grande demanda no mercado.

No dia da colheita, contudo, haverá uma apresentação especial para os produtores rurais interessados nos cultivos. O professor Antônio Carlos Abboud, um dos coordenadores do projeto, ressalta a importância dessas novas variedades e das técnicas de produção para o setor agrícola local. Por fim, ele enfatiza que a iniciativa contribuirá para o desenvolvimento sustentável da região, promovendo a diversificação e a valorização dos produtos agrícolas de Maricá.

 

Vocação natural

 

Maricá tem um grande potencial no “agro de precisão”, e pode se espelhar no exemplo de Almería na Espanha. A cidade costeira é banhada pelo mar Mediterrâneo e tradicional produtora de cultivos protegidos.

“Esta técnica permite maior valor agregado, qualidade diferenciada e sensível aumento da produtividade”, comenta Rodrigo Rocha, diretor da plataforma AGROVIVA, que vem analisando a região para implantar projetos de estufas baseados na experiência espanhola, com o apoio técnico da AEARJ – Associação de Engenheiros Agrônomos do Rio de Janeiro e da PESAGRO-Rio.

Para uma ideia de grandeza desse caminho, Almería tem 32 mil hectares de produção de frutas, com faturamento bruto estimado em € 2,2 bilhões/ano, correspondendo a cerca de € 8.000/ano por agricultor.

“Parcerias com empresas fornecedoras das estruturas metálicas, telagem, aparelhos de climatização e demais componentes vem sendo alinhadas para que os conjuntos sejam financiados automaticamente por linhas de crédito compatíveis com a capacidade de pagamento, prazos de carência e amortização ideais para que os sistemas de cultivo protegido sejam idealmente implantados”, reitera o gestor da AGROVIVA.

 

Serviço

Dia de Campo: Tomates especiais 10 de junho de 2023 (sábado) 8h30h às 10h30 e 14h às 16h
Endereço: Fazenda Pública Joaquín Piñero, no Espraiado – Maricá.

Para chegar, basta acessar a RJ-106, em direção à Av. Central. Logo após, dobrar à direita, antes da Capela de São Jorge.

 

Confira outras notícias da editoria AGRO clicando aqui.