sábado, 13 abr, 2024

EUA e Inglaterra dão sono e não saem do zero

Pusilic arremata em um dos poucos bons momentos da partida (Twitter/FIFA).

Claudio Fernandes, da Tribuna da Imprensa

O primeiro dia da segunda rodada da fase de grupos da Copa do Mundo terminou com um empate insosso em 0 a 0 entre Estados Unidos e Inglaterra. Com poucas oportunidades de lado a lado, as duas seleções decepcionaram e agora terão que buscar a vaga nas oitavas de final na próxima terça-feira. Os americanos enfrentam o Irã e a Inglaterra terá pela frente o clássico contra o País de Gales.

O primeiro tempo não empolgou nem americanos nem ingleses. Em jogo morno, os americanos estiveram perto de abrir o marcador até mais vezes que os ingleses. As melhores chances aconteceram aos 26, com McKennie, e aos 33, quando Pusilic mandou uma bomba no travessão. Com pouca intensidade, os ingleses levaram perigo mesmo só no último lance, quando Mason-Mount obrigou Turner a fazer uma defesa espetacular após arremate no canto rasteiro direito.

Com pouca intensidade, os ingleses levaram perigo mesmo só no último lance, quando Mason-Mount obrigou Turner a fazer uma defesa espetacular após arremate no canto rasteiro direito.

A segunda etapa conseguiu ser ainda pior. Tanto que a única chance clara de gol aconteceu já nos acréscimos, quando Kane cabeceou muito perto dol gol norte-americano. O resultado deixou a Inglaterra com quatro pontos e os EUA com dois. Ambas as seleçoes ainda sonham com a classificação às oitavas.