sábado, 13 jul, 2024

Apagão de energia atinge quase todo o país

Apagão
Foto: ROMILDO DE JESUS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) informou que uma ocorrência na rede de operação do Sistema Interligado Nacional interrompeu o fornecimento de 16 mil megawatts (MW) de carga em Estados do Norte e Nordeste do Brasil. O apagão, por fim, também afetou Estados do Sudeste.

“A interrupção ocorreu devido a abertura, às 8h31, da interligação Norte/Sudeste. As causas da ocorrência ainda estão sendo apuradas. A recomposição já começou em todas as regiões e até às 9h16, 6 mil MW já foram recompostos”, informou o ONS em nota.

Ademais, a Neoenergia e a Equatorial, responsáveis pela distribuição de energia em vários Estados do País, também confirmaram a informação.

Segundo o grupo Equatorial, em todos os Estados sob sua concessão (Alagoas, Amapá, Maranhão, Goiás, Pará, Piauí e Rio Grande do Sul) a normalização do apagão já iniciou.

“O grupo segue acompanhando junto ao Operador Nacional do Sistema as providências para o restabelecimento integral das cargas e com equipes técnicas de prontidão em todas as suas bases nos Estados”, informou em nota.

O grupo informou ainda que, segundo informações preliminares, “houve atuação do Esquema Regional de Alívio de Carga, que consiste em um mecanismo de proteção da rede para tentar restringir a perda de carga no sistema”.

Reação no ministério

O ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, determinou a criação de uma sala de situação por conta da ocorrência. Em nota, a pasta informou que a equipe do ministério está trabalhando. O objetivo, em suma, é que a carga seja “plenamente restaurada o mais breve possível”. Também haverá a apuração das causas do incidente.

Fonte: Estadão Conteúdo

 

Confira outras notícias da editoria POLÍTICA clicando aqui.